Hospital de Patos registra 160 atendimentos e cresce número de vítimas de mordidas de animais no fim de semana

O plantão de maior movimento foi o de sábado, quando foram atendidas 74 pessoas. No domingo outras 59 deram entrada na Urgência e Emergência do hospital

Hospital de Patos registra 160 atendimentos e cresce número de vítimas de mordidas de animais no fim de semana

O relatório do plantão do último final de semana da Emergência e Urgência do Complexo Hospitalar Regional Deputado Janduhy Carneiro de Patos (CHRDJC) mostra que houve 160 atendimentos na unidade, entre às 18h da sexta-feira (13) e a meia noite do domingo (15), mas, o que chamou atenção foi o número de vítimas que deram entrada no hospital por causa de mordidas de animais. Foram seis com ataques de cachorro e outra seis com mordidas de gato e cobra. Nos primeiros 15 dias de janeiro, o hospital atendeu 33 pessoas vítimas de mordida de cachorro.

O plantão registrou ainda 20 atendimentos por causa de sinistros de trânsito, todas as vítimas de acidentes com motocicletas. Destas, três pessoas permaneceram internadas para cuidados complementares. Foram realizadas nove cirurgias, sendo sete de urgência e duas eletivas. Foram três Gerais, outras três Ortopédicas, duas Urológicas e uma Vascular.

O plantão de maior movimento foi o de sábado, quando foram atendidas 74 pessoas. No domingo outras 59 deram entrada na Urgência e Emergência do hospital. E das 18h da sexta-feira, quando começa o plantão do final de semana, até a meia noite do mesmo dia, outras 27 pessoas foram atendidas.

Além das mordidas e sinistros de trânsito, a maior parte da demanda de atendimentos recaiu sobre dores diversas (52 casos), quedas diversas (27 casos), pancadas (9 casos), cortes (6 casos), crise nervosa (6 casos), episódios de vômitos (6 casos), torção (6 casos) desmaios (4 casos), Mal estar (4 casos), dormência/paralisia (4 casos), entre outros motivos.

Metade dos casos de pacientes atendidos por sinistros de trânsito era da cidade de Patos, com 10 casos, mas, o hospital que é referência para 89 municípios do sertão paraibano recebeu pacientes acidentados das cidades de Cacimba de Areia, Imaculada, Juru, Mãe D’água, Olho d’Água, Quixaba, Tavares, Teixeira e Vista Serrana.